Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2009

Kalendas na Matriz de Teresina!

Imagem
Pax et bonum! Primeiramente desejo a todos um Feliz e Santo Natal! Informamos que, pela primeira vez em Teresina (até que alguma fonte segura prove o contrário), o Anúncio do Natal (" Kalendas ") foi cantado em latim. A melodia foi a mesma usada na Missa Papal. A partitura pode ser baixada aqui . Lamentamos não termos avisado com antecedência. O cantor fui eu, Luís Augusto. No momento estava servindo como cerimoniário... Tivemos aqui um conflito de funções, mas foi a única disposição conveniente que encontramos, de acordo com os nossos recursos humanos na Paróquia Nossa Senhora do Amparo. Outros detalhes: - In nomine Patris - Kyrie, de Angelis - Sanctus, de Angelis - Per ipsum - Benedictio Dei omnipotentis - Ite missa est, de Angelis Além das patenas para a distribuição da Sagrada Comunhão. Observação: perguntava-me o que significa a expressão " luna octava ", que a cada ano é diferente (mudando a numeração). Fazendo alguns cálculos entendi que se trata do dia

"Et incarnatus est"...Adorando o Verbo Encarnado (Para não esquecer)

Alguns gestos litúrgicos, considerada a sua simplicidade, muitas vezes são, por nós, ignorados ou esquecidos. É o que acontece, corriqueiramente, com as inclinações e genuflexões, por exemplo. Mas aqui, quero me referir, particularmente, ao gesto de ajoelhar-se a certas palavras do Credo nas Solenidades da Anunciação do Senhor e do Natal. Lembro-me da primeira Missa do Galo celebrada por S. S. Bento XVI, em 24/12/2005, em que o Papa se ajoelhou durante a oração do Credo. O comentarista afirmou que, naquele momento o Papa, resgatava um tradicional costume da Igreja, que se encontrava em desuso. Não me recordo se o Pontífice anterior deixou de fazê-lo. O certo é que eu, conquanto já me interessasse pelo assunto, desconhecia muitos detalhes (e continuo a desconhecer outros tantos) acerca da Sagrada Liturgia, pus-me em busca da norma litúrgica que embasou o gesto do Papa . Encontrei a na Instrução Geral do Missal Romano(IGMR) e no Ordinário da Missa. Só recentemente, pude vislumbra

Papa João Paulo II é reconhecido Venerável

Imagem
Papa Bento XVI, como era esperado, concedeu o Decreto da Heroicidade das Virtudes ao seu antecessor. Como havía sido noticiado no site "Santos do Brasil", estava concluído o processo da heroicidade das virtudes na Congregação para as Causas dos Santos, e entregue o resultado ao Papa Bento XVI para que ele tomasse a decisão de conceder ou não o decreto ao Servo de Deus. Em audiência sábado, dia 19 de dezembro de 2009, o Papa emanou vários decretos: - decretos de Heroicidade das Virtudes para 10 Servos de Deus (que se tornaram, assim, Veneráveis), - decreto sobre o Martírio para um servo de Deus (que será então beatificado), - decretos aprovando um milagre para 5 Veneráveis (que se tornarão então beatos) - e decretos aprovando um milagre para 5 Beatos (que serão, então, canonizados). Entre os servos de Deus que se tornaram veneráveis está também o Papa Pio XII, papa que enfrentou os terrríveis anos da segunda guerra mundial com grande coragem e determinação, e cuja figur