sábado, 27 de abril de 2013

Diurnale Romanum de bolso - Abadia de Santa Madalena de Barroux

Pax et bonum!

Já há algum tempo eu pensava em adquirir um Breviarium Romanum, o Ofício Divino segundo a Forma Extraordinária do Rito Romano. É sabido que a tradução brasileira da Liturgia Horarum - Liturgia das Horas é muito louvada por observar questões de métrica e rima. Mas a que custo? Ao custo de se adaptar o texto, embora guarde certa fidelidade ao original bíblico da Nova Vulgata.
Pois bem, adquirir a Liturgia Horarum (4 volumes) sairia razoavelmente caro. Então decidi, até porque já tinha vontade de conhecer, rezar e adquirir o Breviarium
Passou um tempo e tomei conhecimento das edições sem Matinas - os Diurnale Romanum. Fiquei bastante interessado.
Enquanto não adquiria, embora não seja o meio mais adequado e decoroso, rezei muitas vezes o Breviarium através do telefone celular, acessando o site Divinum Officium.
No mês de janeiro deste ano, um consócio da ARS encontrou o Diurnale Romanum, em versão normal e de bolso, entre os livros vendidos pelos monges da Abadia de Santa Madalena de Barroux (Abbaye Sainte-Madeleine du Barroux), na França.
Fizemos o pedido de 2, sendo que o frete permanecia o mesmo para 1 só unidade. Isto nos deixou com o valor de pouco menos de R$ 140 por livro. O preço, na época 35,51 €, atualmente é 38 €.
O documento de venda (Facture Proforma) traz a data de 01/02/2013 e meu caro consócio, por e-mail, avisou-me que os livros tinham chegado no dia 19/02/2013 - um prazo ótimo para uma compra internacional!
Pois bem, desde o dia 20 ou 21 de fevereiro, quando fui pegar, estou a fazer uso do meu Diurnale Romanum. E certamente o recomendo para quem quiser obter uma edição material do Breviarium Romanum, sem Matinas, o que é mais conveniente para a vida dos fieis leigos.
O volume tem 9cm x 14cm, pesa 295g, tem 1353 páginas e 4 fitas (costumo deixar uma no próprio do tempo, outra no ordinário, outra no saltério e outra no próprio dos santos). Os textos e orações usam duas colunas, com exceção dos Salmos, que usam uma apenas. É um volume de fácil manuseio e que ocupa pouco espaço. O tamanho das letras também não é nenhum problema, ou pelo menos até agora não me tem incomodado.
Nele constam todas as Horas com exceção de Matinas, ou seja, Laudes, Prima, Terça, Sexta, Nona Vésperas e Completas.
A única coisa de que senti falta foi o corpus rubricarum, ou seja, as Rubricae Generales Breviarii Romani, sendo bom conhecê-las de antemão. Talvez viessem a ocupar muitas páginas; acho que seria conveniente. Todavia, as linhas gerais para a oração estão no Ordinarium Divini Officii e as Rubricae podem ser consultadas aqui, por exemplo, a partir da página 30.
Seguem algumas fotos que tirei.

















Por Luís Augusto - membro da ARS

5 comentários:

Anônimo disse...

Olá. O Diurnale não tem a venda em alguma editora do Brasil?

ARS disse...

Olá!
Até onde temos conhecimento ele não está disponível em nenhuma editora brasileira.
Talvez algumas irmãs da Administração Apostólica vendam o Breviário completo ou o Diurnale, mas não podemos afirmar com toda certeza.
Saudações.

Edivaldo sampaio disse...

Oi bom dia possuo um (breviarium romanum)em latim.de 1936 e esta com uma dedicatoria do vaticano para uma familia..de 1990.tem um telefone tambem 378949 quero vende-la ja q este docto esta se acabando entre minhas coisas .

Edivaldo sampaio disse...

Oi bom dia possuo um (breviarium romanum)em latim.de 1936 e esta com uma dedicatoria do vaticano para uma familia..de 1990.tem um telefone tambem 378949 quero vende-la ja q este docto esta se acabando entre minhas coisas .

Barbara Almeida Melo disse...

Eu tenho o interesse...