Anunciação do Senhor - letra de uma antiga Sequência

Salve Maria!

Nesta solenidade gostaria de compartilhar uma tradução livre da bela Sequência "Mittit ad Virginem" atribuída a Pedro Abelardo, que conheci pela obra O Ano Litúrgico, do Servo de Deus Dom Prosper Guéranger, OSB.
Há versos cujos substantivos ou verbos variam e não tenho como encontrar, no momento, uma versão mais oficial. Verei se encontro nos Graduale e atualizarei aqui.
Que os versos abaixo sirvam para meditação no grande mistério da obra de nossa redenção.
Bendito seja Deus!

***

Aquele que ama o homem envia à virgem não qualquer anjo, mas o arcanjo que é Sua Força.
Que ele transmita para nós a notícia e que o faça contra a natureza, no parto de uma virgem.
Que o rei da glória, nascido, supere a natureza, reine e impere e retire do meio a escória abundante.
Que ele rebaixe a arrogância dos soberbos e pisoteie o pescoço dos altivos, ele, o poderoso na batalha.
Que lance para fora o príncipe mundano e junto a si faça sua mãe participante do império do Pai.
Vai, tu que anuncias, ensina estes dons, descobre o véu das antigas letras pela força desta notícia.
Aproxima-te e anuncia. Diz: "Ave", na presença dela. Diz: "Cheia de graça". Diz: "O Senhor é contigo". E diz: "Não temas".
Recebas, ó Virgem, o depósito divino, pelo qual cumpras o casto propósito e mantenhas o voto.
A jovem ouve e acolhe a notícia, crê e concebe e dá à luz o filho,
Conselheiro admirável do gênero humano e Deus dos fortes e pai dos tempos futuros na paz estável.
Cuja firmeza nos torne firmes, e que a fragilidade humana não nos derrube com suas quedas.
Mas aquele que dá o perdão, dado o perdão pela graça da mãe, obtenha que a graça habite em nós.
Aquele que nos concederá o perdão do pecado, apague a acusação, e nos dê a pátria na cidade celeste. Amém.

Levei em consideração a seguinte letra:

Mittit ad virginem 
non quemvis angelum 
sed fortitudinem 
suam archangelum
amator hominis.

Fortem expediat
pro nobis nuntium
naturae faciat
ut praeiudicium
in partu virginis.

Naturam superet 
natus rex gloriae 
regnet et imperet 
et zyma scoriae 
tollat de medio.

Superbientium 
terat fastigia 
colla sublimium 
calcans vi propria 
potens in proelio.

Foras eiiciat 
mundanum principem 
secumque faciat 
matrem participem 
patris imperii.

Exi qui mitteris 
haec dona discere 
revela veteris 
velamen litterae 
virtute nuntii.

Accede nuntia 
dic Ave cominus 
dic plena gratia 
dic tecum Dominus 
et dic ne timeas.

Virgo suscipias 
Dei depositum 
in quo perficias 
castum propositum 
et votum teneas.

Audit et suscipit 
puella nuntium 
credit et concipit 
et parit filium 
sed admirabilem.

Consiliarium 
Humani generis 
et deum fortium 
et patrem posteris 
in pace stabilem.

Cujus stabilitas 
nos reddat stabiles 
ne nos labilitas 
humana labiles 
secum praecipitet.

Sed dator veniae 
concessa venia 
per matrem gratiae 
obtenat gratia 
in nobis habitet.

Qui nobis tribuat 
peccati veniam 
reatum diluat 
et donet patriam 
in arce siderum. Amen.

Algumas versões (melodias):



Comentários

Mais acessadas no último mês

Rosário em Latim

Como deve ser o toque da sineta/carrilhão na Consagração?

Batina - algumas perguntas e respostas

Sobre a saudação Dominus vobiscum (O Senhor esteja convosco) e sua resposta

De que lado deve ficar o Ambão?