sexta-feira, 1 de julho de 2016

A Missa Votiva do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo

Pax et bonum!
Preciosíssimo Sangue de Cristo, pintura de autor anônimo, séc. XVII ou XVIII

Entramos no mês de julho, entramos num novo semestre. No Calendário Romano Geral da Forma Extraordinária do Rito Romano, celebramos hoje, 01/07, a Festa do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Sobre esta devoção, diz São João XXIII (Carta Apostólica Inde a primis, 9-10):
Ao aproximar-se a festa e o mês dedicados ao culto do Sangue de Cristo, preço do nosso resgate, penhor de salvação e de vida eterna, façam-na os fiéis objeto de meditações mais devotas e de comunhões sacramentais mais freqüentes. Iluminados pelos salutares ensinamentos que promanam dos Livros sagrados e da doutrina dos padres e doutores da Igreja, reflitam no valor superabundante, infinito desse Sangue verdadeiramente preciosíssimo, do qual "uma só gota pode salvar o mundo todo de toda culpa", como canta a Igreja com o Angélico Doutor, e como sabiamente confirmou o nosso predecessor Clemente VI.
Porquanto, se infinito é o valor do Sangue do Homem-Deus, e se infinita foi a caridade que o impeliu a derramá-lo desde o oitavo dia do seu nascimento, e depois, com superabundância, na agonia do horto (cf. Lc 22,43), na flagelação e na coroação de espinhos, na subida ao Calvário e na crucifixão, e, enfim, da ampla ferida do seu lado, como símbolo desse mesmo Sangue divino que corre em todos os sacramentos da Igreja, não só é conveniente, mas é também sumamente justo que a ele sejam tributadas homenagens de adoração e de amorosa gratidão por parte de todos os que foram regenerados nas suas ondas salutares.
Pois bem, na Reforma Litúrgica Conciliar e pós-Conciliar, esta festa foi unida à festa do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, sendo ambos agora celebrados na unidade do mistério do Santíssimo Sacramento, no dia de Corpus Christi.
O Missal reformado, todavia, permanece trazendo uma Missa Votiva ao Preciosíssimo Sangue de nosso amado Salvador.
Eis abaixo as orações e antífonas do Próprio desta Missa (textos da atual tradução brasileira do Missal Romano):

MISSAS VOTIVAS
5. PRECIOSÍSSIMO SANGUE
DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO

Paramentos vermelhos.

Antífona da entrada (Ap 5,9-10)
Vós nos resgatastes, Senhor, pelo vosso Sangue,
de todas as raças, línguas, povos e nações,
e fizestes de nós um reino para o nosso Deus.

Oração do dia
Ó Deus, que resgatastes a todos
pelo Sangue precioso do vosso Filho,
conservai em nós a obra de vossa misericórdia
para que, celebrando sem cessar
o mistério de nossa salvação,
possamos alcançar os seus frutos.
Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
na unidade do Espírito Santo.

Sobre as oferendas
Ao vos apresentar, Senhor Deus, as nossas oferendas,
possamos, por estes sacramentos, 
aproximar-nos de Jesus, o Mediador da nova aliança,
e renovar-nos pela aspersão salutar de seu Sangue.
Por Cristo, nosso Senhor.

Prefácio da Paixão do Senhor, I
O poder da cruz
Na quinta semana da Quaresma e nas Missas dos mistérios da cruz e da Paixão do Senhor.
V. O Senhor esteja convosco.
R. Ele está no meio de nós.
V. Corações ao alto.
R. O nosso coração está em Deus.
V. Demos graças a Deus.
R. É nosso dever e nossa salvação.
Na verdade é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso. O universo inteiro, salvo pela Paixão de vosso Filho, pode proclamar a vossa misericórdia. Pelo poder radiante da cruz, vemos com clareza o julgamento do mundo e a vitória de Jesus crucificado. Por ele, com os anjos e todos os santos, nós vos louvamos, cantando (dizendo) a uma só voz:
Santo, Santo, Santo...

Antífona da comunhão (Cf. 1Cor 10,16)
O cálice de bênção pelo qual damos graças
é a comunhão no Sangue de Cristo;
e o pão que partimos é a comunhão no Corpo do Senhor.

Depois da comunhão
Restaurados, ó Deus,
pelo alimento e a bebida da salvação,
fazei sejamos sempre lavados
pelo Sangue de nosso Salvador;
torne-se ele em nós
uma fonte que jorra para a vida eterna.
Por Cristo, nosso Senhor.
Ou:
Restaurados pelo alimento e a bebida celestiais,
nós vos pedimos, ó Deus todo-poderoso,
livreis do temor do inimigo
aqueles que foram resgatados
pelo Sangue precioso do vosso Filho.
Que vive e reina para sempre.

Que os textos acima sirvam para a pia meditação, por parte de quem os ler.
Ademais, fazemos um especial convite a todos os sacerdotes para que celebrem hoje, e/ou noutros dias do mês de julho, esta Missa Votiva do Preciosíssimo Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo.
"As Missas votivas sobre os mistérios do Senhor ou em honra da Bem-aventurada Virgem Maria, dos Anjos, de algum Santo ou de todos os Santos, podem ser celebradas para favorecer a devoção dos fiéis nos dias de semana do Tempo comum, mesmo que ocorra uma memória facultativa" (Instrução Geral sobre o Missal Romano, 375).

Nenhum comentário: