domingo, 25 de setembro de 2011

"Greg o Rio" - um gracejo e uma bela máxima sobre o Canto Gregoriano


Pax et bonum!

Aproveitando para fazer um gracejo...
Nestes dias muitos exaltam o rock (através do evento Rock in Rio). Queremos, portanto, exaltar o Canto Gregoriano, que é o modelo da Música Sacra ocidental.
Cantores, instrumentistas, coros, corais, scholæ, solistas, compositores, convém sempre recordar o que foi dito por São Pio X (Motu Proprio Tra le sollecitudini, 3) e recordado pelo Bem-aventurado João Paulo II (Quirógrafo no centenário do motu proprio Tra le sollecitudini, 12):

Uma composição para a Igreja é tanto sacra e litúrgica 
quanto mais se aproximar, no andamento, na inspiração e no sabor,
da melodia gregoriana, 
e tanto menos é digna do templo, 
quanto mais se reconhece disforme daquele modelo supremo.

Meu Deus, isto nos diz tanto, tanto... Mas, pensamos com a Igreja ou nos deixamos guiar por nossos gostos, vontades, teorias e "achismos"?
São Gregório Magno, rogai por nós!

Obs: não é que a Igreja tem que copiar o mundo, obviamente, mas quis aproveitar a oportunidade.

Por Luís Augusto - membro da ARS

Nenhum comentário: